Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Patrícia Lobo

TAG | As 3 Coisas

30.09.18 | Patrícia Lobo
Hoje, decidi trazer para o blogue uma TAG, para me dar a conhecer um pouco mais a quem me visita por aqui. Este pequeno desafio consiste em citar 3 coisas que gosto, que não gosto, que me dão medo, etc, dentro dos temas sugeridos. Vamos lá?

Fonte
3 coisas que me dão medo
- Abelhas
- Morte
- Barulhos estranhos

3 coisas que me dão preguiça
- Calor
- Conversas chatas
- Dormir muito

3 coisas que eu gosto
- Beijos na testa
- Livros
- Viagens

3 coisas que eu sei fazer
- Croché e Tricô
- Cantar fado
- Dar conselhos

3 coisas que eu não sei fazer
- Tocar um instrumento musical
- Passar camisas a ferro
- Forçar o choro

3 assuntos sobre os quais gosto de falar
- Séries e Filmes
- Viagens
- Futuro

3 assuntos sobre os quais não me sinto à vontade para falar
- História
- Política
- Arte

3 comidas favoritas
- Sopa da Pedra (da avó Dina) *saudades*
- Pica-pau (da mãe)
- Bacalhau com Broa (da mãe)

3 comidas que não gosto
- Jardineira
- Banana
- Qualquer doce ou bolo que tenha canela

3 séries favoritas
- The Big Bang Theory
- Friends
- Game of Thrones

3 coisas que me acalmam
- Ouvir música
- Ver The Big Bang Theory
- Fazer caminhadas

3 coisas que me stressam
- A minha mãe (ela é stressada e isso pega-se!)
- Trânsito
- Falta de comunicação

3 coisas que eu quero
- Ser feliz
- Publicar um livro
- Ser mãe

Espero que tenham gostado da TAG. Eu diverti-me imenso a responder às várias categorias!

Livros | O Desaparecimento de Stephanie Mailer

28.09.18 | Patrícia Lobo
O Desaparecimento de Stephanie Mailer foi um dos livros que mais gostei de ler nos últimos meses. Nunca tinha lido nenhum livro do Joël Dicker, mas fiquei completamente viciada na escrita dele e na forma como criou o enredo de toda a história deste livro.

Foi um autêntico quebra cabeças, perceber quem seria o verdadeiro assassino, pois quando pensava que ia na direcção de pensamento correcto, lá tinha eu de repensar em todos os pormenores uma vez mais. E como eu a-d-o-r-o livros que me ponham a cabeça a mil!


Título: O Desaparecimento de Stephanie Mailer
Autor(a): Joël Dicker
Sinopse: Na noite de 30 de Julho de 1994, a pacata vila de Orphea, na costa leste dos Estados Unidos, assiste ao grande espectáculo de abertura do festival de teatro. Mas o presidente da Câmara está atrasado para a cerimónia… Ao mesmo tempo, Samuel Paladin percorre as ruas desertas da vila à procura da mulher, que saiu para correr e não voltou. Só para quando encontra o seu corpo em frente à casa do presidente da Câmara. Dentro da casa, toda a família do presidente está morta.
A investigação é entregue a Jesse Rosenberg e Derek Scott, dois jovens polícias do estado de Nova Iorque. Ambiciosos e tenazes, conseguem cercar o assassino e são condecorados por isso. Vinte anos mais tarde, na cerimónia de despedida de Rosenberg da Polícia, a jornalista Stephanie Mailer confronta-o com uma revelação inesperada: o assassino não é quem eles pensavam, e a jornalista reclama ter informações-chave para encontrar o verdadeiro culpado.
Dias depois, Stephanie desaparece.Assim começa este thriller colossal, de ritmo vertiginoso, entrelaçando tramas, personagens, surpresas e volte-faces, sacudindo o leitor e impelindo-o, sem possibilidade de parar, até ao inesperado e inesquecível desenlace.O que aconteceu a Stephanie Mailer?E o que aconteceu realmente no Verão de 1994?

Felizmente, o autor tem outras obras disponíveis e estou a pensar comprar nas próximas semanas o livro A Verdade Sobre o Caso Harry Quebert.

Alguém já leu este ou algum outro livro de Joël Dicker? O que acharam?

3 Dicas para ocupar o tempo

26.09.18 | Patrícia Lobo
Passar algum tempo sozinha comigo mesma foi algo que sempre gostei de fazer. Estou naquela fase da vida em que prefiro passar algum tempo em casa ou sozinha, no meu mundo, em vez de ir ao café ou estar com mais alguém.

Fonte
Desde que comecei a trabalhar, sinto esta necessidade de passar mais tempo em casa. Deve ser normal, visto que passo o dia fora e só ao fim do dia é que posso usufruir do meu espaço. Eu gosto e sei aproveitar os momentos em que estou sozinha. E, acreditem, estar um tempo sozinha não é tão mau como muitas pessoas o pintam. Conhecemo-nos melhor, fazemos aquilo que gostamos sem dar justificações a ninguém e relaxamos.

Deixo-vos 3 coisas que costumo fazer para ocupar o meu tempo e aproveitá-lo da forma que mais gosto.

1 Ler Livros e Blogs
Como escrevi no post do Desafio 1+3, redescobri a paixão pela leitura. Para mim, neste momento, não há nada melhor do que chegar a casa, depois de um dia cansativo de trabalho, e sentar-me na cama a ler.
Outra coisa que eu adoro fazer é ler os meus blogs favoritos. Porém, é muito raro fazê-lo durante os dias de semana. Opto por fazê-lo ao fim de semana e é quando me dedico também ao blog.

2 Escrever no Blog
Uma das coisas que gosto de fazer quando estou sozinha é dedicar-me a este cantinho. Como disse no ponto 1, normalmente, só o faço durante o fim de semana porque tenho mais tempo - até mesmo para escrever as publicações. Não gosto de o fazer em cima do joelho e prefiro dedicar mais horas do dia a escrever algo mais decente.

3 Fazer Caminhadas
Gosto de fazer alguns exercícios ou caminhar no final do dia. Apesar de estar cansada, é uma boa altura para libertar energias negativas e relaxar. Gosto particularmente de ir caminhar, pois na zona onde moro temos imensas vias destinadas aos desportistas, que passam inclusive em parques bonitinhos. Apesar de ir caminhar com o meu pai, nós gostamos de ir cada um com os seus phones, a ouvir a sua música, e a pensar na vida. É quase como ir sozinha, na companhia de outra pessoa.

E vocês, gostam de passar algum tempo sozinhos? O que mais gostam de fazer nessas alturas?

1 + 3 | Um objectivo que já está a ser cumprido

22.09.18 | Patrícia Lobo
Sempre me considerei uma amante de livros, porém nunca li tanto quanto gostaria. Ou porque os livros que tinha em casa não me chamavam a atenção. Ou porque os que queria ler eram demasiado caros para os meus trocos na carteira. Ou, simplesmente, porque não tinha tempo.


Em Julho, quando li o livro 1001 Coisas que Nunca te Disse, voltei a sentir o bichinho da leitura dentro de mim. Julho, Agosto, Setembro,... e já lá vão 11 livros lidos. 

Foi no início de Setembro que decidi participar no Reading Challenge do Goodreads. Comecei por definir uma meta de 15 livros até ao final de 2018. Mas entretanto, alterei de 15 para 20, o número de livros que pretendo ler ainda este ano. O que não é nada mau se conseguir atingir esse valor, uma vez que comecei o desafio a meio do ano.

Também participam no Reading Challenge? Que outros objectivos pretendem cumprir num futuro próximo ou não?
Contem-me a vossa experiência nos comentários.

Este texto faz parte do Desafio 1+3

3 Sites onde podes encontrar eBooks grátis

08.09.18 | Patrícia Lobo
Na semana passada, recebi o meu Kindle! Rendi-me ao conforto e jeito prático deste e-reader. Apesar de preferir o cheiro de um livro autêntico, não posso deixar de sentir um certo fascínio por poder levar todos os livros do mundo na minha mala. Foi essa a principal razão que me fez adquirir o Kindle Paperwhite.

Fonte
Pois, bem... E agora livros para ler? A minha tia, que já tinha um Kindle e que me introduziu neste mundo, emprestou-me alguns dos livros que já adquirira no site da Amazon. No entanto, e apesar de na Amazon encontrarmos grande obras a bons preços, resolvi fazer mais algumas pesquisas.

Descobri entre muitos, três sites que me despertaram bastante interesse, pois são bibliotecas digitais de obras literárias em domínio público.


Florbela Espanca, Eça de Queirós, Camilo Castelo Branco ou William Shakespeare e muitos outros autores de clássicos portugueses ou não podem ser facilmente encontrados nos sites que referi acima. Além disso, o Projecto Adamastor e Luso Livros são projectos inteiramente portugueses.

Já conheciam algum destes sites? Conhecem outros? Boas leituras!