Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Patrícia Lobo

Share The Meal | Combater a fome mundial

18.03.19 | Patrícia Lobo

larm-rmah-216854-unsplash.jpg

Fonte

 

E se conseguisses alimentar uma criança, um dia inteiro, através de um clique? E se eu te disser que por 40 cêntimos fazes o que acabei de te perguntar? Share The Meal é o nome de uma aplicação solidária desenvolvida para combater a fome mundial - iniciativa do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas (United Nations World Food Programme).

 

Porquê a fome?

815 milhões de pessoas em todo o mundo não têm comida suficiente para levarem uma vida saudável e ativa. Desde 1990, o número de pessoas que sofrem de fome foi reduzido em 216 milhões. Mas a fome continua a matar mais pessoas todos os anos do que o SIDA, a malária e a tuberculose combinados. Pretendemos mudar isso tão rapidamente quanto possível. A fome é o problema existente com maior solução: alimentar 1 criança durante 1 dia inteiro custa apenas € 0,40. (Fonte)

 

Esta aplicação, que está disponível para Android e iOS, permite-te escolher a causa pela qual queres doar, ou seja, podes especificamente ajudar crianças da Palestina, partilhar refeições para escolas no Líbano ou, simplesmente, doar para alimentar crianças em todo o mundo, onde estarás a contribuir para as situações mais críticas a nível global.

 

Aconselho a que passem pelo site oficial da aplicação, em português, onde podem ler e obter muitas mais informações sobre esta iniciativa tão maravilhosa! Na própria aplicação também encontram toda a informação. Já estão com o telemóvel na mão?

 

Quanto à minha experiência pessoal, posso dizer-vos que doei apenas uma vez, no final do ano passado. Mas hoje, recebi um e-mail que me fez relembrar o quão bom é ajudar o próximo. Naquela altura, doei 12 euros. Sabiam que com 12 euros ajudei uma criança a ser alimentada durante um mês inteiro? O que é isso a menos na minha carteira? Menos um livro comprado naquele mês? Foda-se, que seja! Já voaram mais 12 e alguém vai andar de barriguinha cheia!

4 comentários

Comentar post