Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Patrícia Lobo

21.12.18

2018 | Um Ano de Conquistas

Patrícia Lobo
Passadiços do Paiva. Outubro, 2018.   Andei a pensar numa forma simples de descrever o meu ano numa só frase. Acho que não há nada mais simples do que vos dizer que sinto que foi este ano que, oficialmente, me tornei adulta! Esqueçam lá os 18 anos e o «Já podes tirar a carta» ou o «Já podes ir presa». Quando chegas aos 25 e vês a tua vida a começar a sério, passo a passo, isso sim é maravilhoso.   Posso não ter sido feliz em todos os momentos mas, este ano, vivi (...)
20.07.15

Prioridades

Patrícia Lobo
Quando dei por mim já não estavas aqui. Já não havia mensagens por ler na caixa de entrada ou telefonemas na madrugada. O tempo passou e ao que parece as prioridades são outras. Deixámos de parte a cumplicidade para dar lugar ao vazio. As conversas de carro foram trocadas pelo silêncio da noite. Quando dei por (...)
01.02.15

Eu queria ser feliz

Patrícia Lobo
Por algum motivo, voltei atrás no tempo e desejei com todas as minhas forças ser capaz de alterar aquele momento. Dar-lhe mais intensidade. Porque nós estávamos ali os dois sozinhos e eu queria ser feliz. E eu estava carente e podia, simplesmente, ter-te roubado um beijo. Não seria a primeira vez, mas, desta vez, não seria uma simples brincadeira de alguém (...)
24.07.14

Despedidas

Patrícia Lobo
É triste ver mais alguém despedir-se de nós. É triste quando as pessoas que conhecemos desde sempre e que de um momento para o outro se tornaram importantes na nossa vida são arrancadas do nosso abraço e conforto. A vida não é fácil, nunca foi e duvido que volte a ser muito em breve. Mas não poder ver certos sorrisos e rir até ir às lágrimas é difícil (...)
15.06.14

Um conas que eu adoro!

Patrícia Lobo
Como pode uma pessoa ser tão irritante e fazer-me tanta falta ao mesmo tempo? Não sei qual a resposta correcta, mas a verdade é que só tu tens esse dom.Já sofremos muito um pelo outro; sofremos ainda mais por sermos tão próximos no passado. Somos daquele tipo de pessoa que não se suporta por mais de cinco minutos, mas, por mais tempo que estejamos longe um do outro, nada muda. É este o tipo de relação que temos mantido e tudo estava bem. Mas aquela chapada que nos acorda para a (...)
19.08.13

Palavras

Patrícia Lobo
Palavras. Podem dizer-nos tudo ou nada. São capazes de destruir ou fazer alguém renascer. Muitas vezes, conseguem tudo isso ao mesmo tempo. Palavras são como pessoas, por isso, não devemos procurar a sua perfeição, quando qualquer um de nós tem a capacidade de interpretá-las da forma que quiser e dar-lhes qualquer sentido. Aprendi isso hoje, quando chorei (...)
14.08.13

Quantas vezes

Patrícia Lobo
Vi nos teus olhos a cor da saudade. O reflexo de todos os momentos. A dor por já não sermos o que outrora conquistámos. Não achas que está a ficar tarde? Tarde demais para nós.E eu tinha tantos sonhos para nós. Sonhos que tu nem imaginaste. E tantas vezes eu te fiz sorrir, com a esperança de que um dia fosse eu o motivo de cada (...)
23.06.13

...

Patrícia Lobo
When you feel my heat Look into my eyes It’s where my demons hide It’s where my demons hide Don’t get too close It’s dark inside It’s where my demons hide It’s where my demons hide Imagine Dragons - Demons
18.06.13

...

Patrícia Lobo
Questiono-me, a cada pôr-do-sol, se serás a pessoa certa. Corações não pensam. O meu não é excepção, mas também não sabe sequer o que sente. A mesma confusão de sentimentos de sempre. A mesma incerteza me percorre.Dá-me um pouco mais de ti.
17.06.13

...

Patrícia Lobo
Deixei de acreditar nesse teu amor. Esse amor que te dá murros em vez de borboletas na barriga; que te mata em vez de te renascer. E a cada dia, um pouco mais de ti se vai perdendo. Um pouco mais de ti se torna irreconhecível aos meus olhos. Negra, a alma de um ser outrora possuidor de luz própria. Como te perdeste? E (...)